topbanner

Pedro Barros é o Bi Campeão do Circuito Bowl A Rama

Bi Campeão do Circuito  Bowl A Rama

Pedro Barros, stale fish acima da cara

Pedro Barros, stale fish acima da cara

Bob Burnquist, front side ollie

Bob Burnquist, front side ollie

Pois é, se ganhar um campeonato mundial do calibre do circuito mundial Bowl A Rama já é foda, imagine ganhar duas vezes, ainda mais quando o cara só tem 15 anos! Ai já saiu do controle. Pedro Barros foi esse personagem fora de controle na Oceania. Ano passado ele calou o mundo no seu primeiro ano de profissional e na sua primeira oportunidade de participar do famoso Bowl A Rama.

Circuito que coloca duas etapas do mundial no outro lado do mundo. Um, na Nova Zelândia, em Wellington e o outro na Austrália em Bondi. Pedro ganhou e firmou ser um dos melhores bowl riders do mundo.

Esse ano foi diferente! Diferente porque a Vans resolveu adotar esse circuito de uma forma bem mais glamurosa. Com um investimento de pelo menos 3 vezes mais do que dos outros anos e os melhores skatistas de bowl do planeta estavam lá.

A Nova Zelândia foi classificatória para o de Bondi na Austrália, já que o número de solicitações para participar do evento era tão grande que não teve outra alternativa a não ser peneirar.

Pedro ganhou essa primeira etapa, que não pode se dizer mais fácil porque o bowl é menor ou porque algumas celebridades como Bob Burniquist ouBucky Lasek não compareceram. Nesse evento compareceram aqueles bowl riders mais underground que também são muito respeitados no cenário, tais como Otavio Neto, Benji Galloay, Sky Siljed, Steve Reeves, etc.  Foi sim mais fácil, mas porque esse bowl é mais a cara do Pedro, pois ele mistura um pouco das duas pista que ele anda no dia a dia como o da pousada Hi Adventure e do quintal de casa.

Vista de dentro

Vista de dentro

Otavio Neto, front side air

Otavio Neto, front side air

Bondi, Austrália. Esse sim um evento pra deixar o mundo de olhos aberto para o que o skate pode proporcionar. Na beira da Praia, 15 mil doleta de premiação para o primeiro lugar e com toda a nata do skate mundial presente. Só que dessa vez não só as celebridades que nós conhecemos no cenário de bowl riders, mas também a turma do vertical, a turma do street e a turma do overall.

Para se ter uma idéia  nomes como Dustin Dollin, Tony Trujillo, Jake Phelps, Al Partenen, Brydon Szafranski, Grand Taylor, Jake Duncombi e muitos outros que não estavam participando, mas voaram até a Austrália para ver quem seria o novo ganhador do Bondi Bowl A Rama.  Só a Vans fechou 35 quartos de luxo no hotel na beira da praia.

Chega de detalhes glamorosos e vamos ao que interessa.  A disputa!

Primeiro, Bucky treinou a semana toda como se tivesse indo para a maior disputa da vida dele. Literalmente de manhã, tarde e fim de tarde o cara estava lá suando a camisa.

Runie Glifberg, esse ai emagreceu uns 8 quilos e estava andando como não se via há tempos.

Otavio Neto, mais um brasileiro que sempre tem cartas novas na manga e esse ano não foi diferente.

Sem contar os new guys, como o verticaleiro Josh Starfford, Nilo Peçanha, Nolan Monroe e outros que estavam famintos pela fatia dos 15 mil dólares e da fama. Será que Pedro Barros iria repetir a mesma façanha do ano passado com todos esses caras SINISTROS?

Run Glifberg, back side ollie

Run Glifberg, back side ollie

Vista de fora

Vista de fora

Nos treinos, nada demais, Pedro configurou a pista na sua mente e manteve no bolso suas linhas verdadeiras de bowl, mas não convencia o público ou os “concorrentes” de que ele seria capaz de fazer o feito de novo.

No Campeonato, primeira fase; Pedro estando na última bateria, ele fez algumas linhas suficientemente boas para ir para a final, mas ainda não havia convencido de que ele voltaria para casa como o ganhador do evento.

Final; Pedro começa sua linha de uma forma já completamente superior as outras e com exceção do “parceiro de Bondi” Bob Burniquist, deixou todos nervosos a ponto de acabar o game ali mesmo para alguns que já sonhavam com o título. Bob sempre em harmonia com Pedro nos campeonatos, mostrou calma e demostrou ser com certeza o skatista mais habilidoso do planeta. Muitos achavam que ele merecia a segunda colocação no evento, mas ele ser mal julgado não é novidade.

Os 15 minutos de jam session em ordem seguiu fluído e Pedro a cada volta deixava todos, mas todos, simplesmente de olhos arregalados até que uma delas onde ele executou um repertório que incluía, bs tail shove it out, tail slide off the rip, Nose Blunt slide on the rip, tail slide reverse e aquelasequência de aéreos que estamos acostumados a ver que vai dos stail fishs aos 540…. Nem precisa de falar mais, até os juízes jogaram os papeis para o alto.

Pedro fáz a diferença

Pedro fáz a diferença

Pedro Barros, BI CAMPEÃO MUNDIAL DO BOWL A RAMA…

Resultado final

Pro’s Top 5
1. Pedro Barros
2. Rune Glifberg
3. Bucky Lasek
4. Bob Burnquist
5. Renton Millar

Masters
1. Steve Caballero
2. Mik Mulhall
3. Lester Kasai
4. Nicky Guerrero
5. Sergie Ventura

Texto: Andre & Pedro Barros – R.T.M.F
Revisão: Alberto Betao
Publicação: Antonio do Passos Thronn

3 Responses to Pedro Barros é o Bi Campeão do Circuito Bowl A Rama

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Widgetized Section

Go to Admin » appearance » Widgets » and move a widget into Advertise Widget Zone